“O HOMEM não teme a Lei Maria da Penha”, diz Regina Sousa sobre casos de feminicídios

Resultado de imagem para regina sousa

Na semana em que a Assembleia Legislativa aprovou três projetos de combate à violência contra a mulher, a notícia da morte da jovem, Vanessa Carvalho, 27, chocou o estado. Ela morreu após ser atropelada com a amiga Anuxa Alencar. O namorado de Anuxa, Paulo Henrique Campos Santos, foi preso como principal suspeito do crime. O motivo seria ciúmes. 

O caso repercute e segundo a vice-governadora, Regina Sousa, mostra que os agressores de mulheres não temem a Lei Maria da Penha. Para Regina, a lei é apenas uma questão legal. Segundo ela, o feminicídio virou uma questão grave que precisa de estudos mais aprofundados. 

“Eu me faço muitas perguntas. Uma delas é o por quê? O que faz uma pessoa ter tanto ódio de uma mulher? Alguém tem que estudar isso. Não é normal. A lei é uma segurança jurídica, mas a impressão que passa é que o homem não teme a Lei Maria da Penha. Esse caso choca pelo fato deles saírem juntos de casa para irem a um evento e de repente acontece aquilo. Estou sem saber, sem entender. A lei é segurança jurídica, para a consequência. Era para prevenir, mas eles não estão nem aí para a lei. Sabem que serão presos. É o crime mais desvendado hoje. Logo o agressor é preso, mas ele sabe que vai sair. É muito sério isso”, destacou. 

Foto:RobertaAline/CidadeVerde.com

Avatar

Por Pedro Henrique

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado.

E-mail: adautoferreira1958@hotmail.com