MURITI recebe a 49ª unidade do CPRaio do Estado e Central de Videomonitoramento

 MURITI recebe a 49ª unidade do CPRaio do Estado e Central de Videomonitoramento

O Ceará conta, a partir da quinta-feira, 30 de setembro, com uma nova unidade do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio), desta vez instalada em Mauriti, na Região do Cariri. Com esta, já são 49 municípios contemplados com o CPRaio em todas as regiões do Estado. A segurança na cidade ganha também o apoio de 14 câmeras do Sistema de Videomonitoramento. Já são 47 centrais de videomonitoramento no Ceará, totalizando 3.333 câmeras. Além da Capital, são 13 bases do CPRaio na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) e 35 no Interior.

A solenidade foi presidida pelo governador Camilo Santana e contou com a presença do prefeito em exercício de Mauriti, João Paulo, do secretário da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Sandro Caron, e do coronel comandante-geral da Polícia Militar, Márcio Oliveira.

Segundo o governador, o investimento em segurança pública torna possível dar mais tranquilidade aos cearenses. “Quando a gente implanta o Raio, mandamos um recado: bandido não fica mais em Mauriti. Vamos mandar bandido para a cadeia ou para fora do Ceará. Essa é a nossa determinação. E o Raio veio apoiar e complementar o trabalho dos policiais do Policiamento Ostensivo Geral (POG) de Mauriti”, declarou. “Onde inauguramos o CPRaio, temos sentido mais tranqüilidade. Precisamos de segurança para que a população possa viver em paz no município e não vamos medir esforços para manter todos os investimentos em segurança pública no Estado do Ceará”, completou.

O secretário da Segurança Pública, Sandro Caron, destacou a qualidade dos profissionais e dos equipamentos entregues, que darão um salto de efetividade nos trabalhos. “Tenho 23 anos de experiência em segurança pública e essa estrutura da base Raio, somada à estrutura de tecnologia do videomonitoramento, é, sem dúvida, o que vi de mais moderno e efetivo em policiamento preventivo e ostensivo”, comentou. Segundo o titular da SSPDS, em seis meses neste ano, as Forças de Segurança do Ceará apreenderam mais de três mil armas e um terço delas foi em ações do Raio. “É muita arma retirada das ruas, muita prisão, muita apreensão e o principal: muito crime evitado. O Raio irá mudar para melhor a situação de segurança e vai trazer aquilo que sempre buscamos, que é a tranquilidade, a segurança e a paz ao cidadão de bem “, reforçou Caron.

Portal Novos Tempos – Fonte: Governo CE

Avatar

adauto Ferreira

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

E-mail: adautoferreira1958@hotmail.com