HGV adquire equipamento para ampliar atendimento ao usuário

 HGV adquire equipamento para ampliar atendimento ao usuário

A direção do Hospital Getúlio Vargas (HGV) conseguiu, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), instalar mais uma autoclave com capacidade de 550 litros na Central de Materiais e Esterilização (CME) para melhor atender as necessidades do hospital e ampliar atendimento ao usuário. “Estamos conseguindo modernizar o parque tecnológico do HGV, com o apoio do Governo do Estado, para ampliar ainda mais o atendimento”, explica o diretor geral do HGV, Osvaldo Mendes.

De acordo com a enfermeira supervisora da CME, Alaíne Costa, ”a aquisição de mais uma autoclave vai permitir agilizar, otimizar e garantir a segurança do paciente, pois a Esterilização de Produtos para a Saúde (PPS) é um processo que afeta de forma transversal toda a cadeia de produção médico hospitalar, partindo de um simples artigo como os insumos, até o mais complexo pacote de instrumental cirúrgico”, explica a enfermeira.

“A CME processa, mensalmente, cerca de 365 ciclos de esterilização, 248 caixas de materiais em consignação, 3.048 artigos avulsos, 48.236 insumos e 2.016 bandejas de instrumentais. De acordo com a RDC Nº 15, de 15 de março de 2012, § 2º, somos classificados como CME Classe II, que é aquele que realiza o processamento de produtos para a saúde não-críticos, semicríticos e críticos de conformação complexa e não complexa, passíveis de processamento.”, explica Alaíne.

O CME fornece materiais para todas as unidades assistenciais do hospital, como: o centro cirúrgico, UTIs, postos clínicas, Hemodinâmica, Unidade de Endoscopia e Radiologia e atende, também, toda a demanda ambulatorial.

Portal Novos Tempos – Fonte: Redação CCom

Avatar

adauto Ferreira

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado.

E-mail: adautoferreira1958@hotmail.com